Lista | 6 filmes para entender (e lembrar) a ditadura militar no Brasil

O Brasil viveu vinte e um anos de uma ditadura, um regime militar que matou, torturou e destruiu a vida de milhares de pessoas. Um regime que em nada favoreceu o país, foram vinte e um anos de direitos políticos, civis e sociais estagnados. Em tempos como os atuais, é sempre bom lembrar como é bom viver em uma democracia. Veja abaixo uma lista com alguns filmes nacionais que elucidam muita coisa sobre esse período cinza da nação brasileira.

PRA FRENTE, BRASIL (1982)

Pra Frente, Brasil é um dos primeiros filmes a tratar das atrocidades da ditadura brasileira. Nele, um homem é confundido com um ativista político, é preso, interrogado e torturado por agentes federais durante a euforia do milagre econômico brasileiro e da Copa do Mundo de 1970.

Direção: Roberto Farias

AÇÃO ENTRE AMIGOS (1998)

Vinte e cinco anos depois de terem participado da luta contra a ditadura, quatro amigos descobrem que seu torturador ainda está vivo e decidem sequestrá-lo. Mas a revelação que ele vai fazer pode abalar a antiga amizade.

Direção: Beto Brant

CABRA-CEGA (2004)

Comandante de um grupo de ação contra a ditadura, um jovem é ferido em uma emboscada da polícia e precisa se esconder em um apartamento, então, uma militante de base torna-se sua enfermeira e único contato com o mundo.

Direção: Toni Venturi

HOJE (2011)

Em um dos papeis mais marcantes de sua carreira, Denise Fraga interpreta a personagem Vera, uma mulher que recebe uma compensação do governo brasileiro pelo desaparecimento do seu marido durante a ditadura. Com o dinheiro, decide comprar um lindo apartamento. Porém, uma visita irá mudar completamente os seus planos.

Direção: Tata Amaral

TATUAGEM (2013)

A estrela de um grupo de teatro, recebe a visita de seu cunhado militar, a partir dessa visita acaba surgindo um romance entre os dois, mas a repressão militar em meio a ditadura não será fácil de enfrentar.

Direção: Hilton Lacerda

MANHÃ CINZENTA (1969)

Em Manhã Cinzenta, um casal é preso durante uma manifestação, são torturados e sofrem um inquérito realizado por um robô e um cérebro eletrônico. A parábola de Olney São Paulo foi tão marcante, que o levou aos porões da ditadura.

Direção: Olney São Paulo

Veja o filme completo: