Inferior é o Car*lho | Livro busca desconstruir a “fragilidade feminina” criada pela ciência

O livro Inferior é o Car*lho, da jornalista britânica Angela Saini, será lançado no Brasil no próximo mês pela editora Dark Side e propõe às leitoras e leitores brasileiros uma conversa franca sobre as mentiras propagadas pela ciência, com o objetivo de diminuir as mulheres perante aos homens.

Veja a capa:

A versão brasileira homenageia o trabalho da ativista e artista gráfica Barbara Kruger, enquanto a introdução ficou por conta da pesquisadora Heloisa Buarque de Holanda. O livro possui linguagem objetiva e percorre a história e o planeta com o intuito de escutar os dois lados da moeda e entender como mitos tão absurdos continuam sendo difundidos até hoje.

Logo ao início do livro, temos uma troca de cartas entre o naturalista Chales Darwin e Caroline Kennard, destaque do movimento feminista no século XIX, onde Kennard questiona os escritos de Darwin e a condição das mulheres na sociedade:

“Certamente acredito que as mulheres, conquanto, em geral, superiores aos homens [em] qualidades morais, são inferiores em termos intelectuais, e parece-me ser muito difícil, a partir das leis da hereditariedade (se eu as compreendo de forma correta), que elas se tornem intelectualmente iguais ao homem”, escreveu o autor de A Origem das Espécies em uma negação de tudo pelo que o movimento de mulheres lutava à época — e segue lutando até hoje. A srta Kennard não hesitou ao enviar uma resposta inflamada que dizia: “Deixe que o ‘ambiente’ das mulheres seja semelhante ao dos homens, e com as mesmas oportunidades, antes de julgá-las, com justiça, intelectualmente inferiores a eles, por favor”.

A pré-venda do livro deve começará em breve, para saber mais fique de olho aqui no site.